Será que agora a ciclofaixa da Ricardo Jafet vai sair do papel?

A ciclovia da Avenida Ricardo Jafet é uma demanda antiga dos ciclistas e começou a ser sinalizada em janeiro de 2016, mas o ex-prefeito João Doria (PSDB) mandou parar a obra e remover o que havia sido feito. Depois de alguns dias a população refez parte da sinalização, mas o Doria apagou mais uma vez.

Agora, depois de 4 anos e 5 meses, a ciclofaixa da Avenida Ricardo Jafet está sendo sinalizada de novo pela Prefeitura! Aproveitando, analisamos o projeto dela que recebemos pela Câmara Temática de Bicicleta.

No mapa da CET de infraestruturas cicloviárias, linhas vermelhas são estruturas existentes e linhas azuis são estruturas que devem ser implantadas até o final de 2020. No mapa é possível ver que a ciclofaixa da Ricardo Jafet será ligada ao Centro na Av. Rangel Pestana e Av. Alcântara Machado, passando pela Av. do Estado.

1

Na região do Museu do Ipiranga/Praça do Monumento ela vai se conectar com a ciclofaixa da Avenida Nazaré, conforme abaixo:

1

O projeto mostra a conexão entre a futura ciclofaixa da Av. Ricardo Jafet com a estrutura existente na Av. Nazaré, porém não mostra a conexão com a Avenida Dom Pedro I, também prevista para 2020. Também não recebemos o projeto das estruturas da Av. Dom Pedro I nem da Av. do Estado… Isso levanta a dúvida, será que a Prefeitura não vai entregar a ciclovia da Dom Pedro I?

A ciclofaixa será no lado esquerdo da via, ao lado do córrego, mas o projeto não prevê nenhuma travessia de ciclistas para acessar a ciclofaixa em toda avenida:

1

Isso é bem ruim, pois significa que os ciclistas terão que se arriscar para acessar a ciclofaixa. Como sabemos, a maior parte da Av. Ricardo Jafet não possui travessias devido ao córrego, sendo as poucas localizadas perto das pontes e retornos. Fica a dúvida: como um ciclista que vem por uma rua lateral vai acessar a ciclofaixa se não estiver perto de um dos semáforos? Ele vai depender da boa vontade dos motoristas para tentar atravessar?

Outro ponto incômodo é o modelo de travessia escolhido, que obriga os ciclistas a diminuírem e esperarem os motoristas pararem. O Código de Trânsito prevê que os veículos motorizados parem para pedestres e ciclistas atravessarem, mas todos nós sabemos que a prática não é assim… Por que não forçar os motoristas a diminuírem a velocidade ao invés de fazer os ciclistas dependerem deles? Por que o projeto não inclui sinalização de “Pare” para os motoristas nos retornos de canteiro central?

1

 

Aqui as coisas ficam confusas, o projeto mostra uma ciclofaixa na Rua Rocha Galvão, mas não existe ciclofaixa ali… Será que a Prefeitura vai fazer uma ciclofaixa ali também? 1

Nesse cruzamento a ciclofaixa da Ricardo Jafet também se conectará com a da Rua Mont’Alverne, que se conecta com as estruturas da Rua dos Patriotas e da Av. Nazaré.

A continuação da ciclofaixa da Ricardo Jafet continua sem travessias para tornar o acesso à ciclofaixa mais seguro:

1

Um ponto positivo do trecho acima é a ‘faixa zebrada’ no sentido Centro, que pode melhorar a segurança dos ciclistas no trecho de curva, pena que ela é mínima e não acompanha a ciclofaixa na curva toda 😦

Abaixo temos o cruzamento com a Rua Doutor Mario Vicente, no qual os ciclistas também vão depender da boa vontade dos motoristas para seguir o trajeto caso queiram ir em frente… E também não há travessia lateral para acessar a Dr. Mario Vicente.

1
Nesse cruzamento está prevista uma placa de “Travessia de ciclistas no retorno”, mas apenas em um lado da Ricardo Jafet. Por que não vão colocar placas dessa em todos retornos sobre o córrego? Por que também não colocam placas de “Prioridade na conversão para ciclistas e pedestres” em todos retornos da avenida?

Resumindo, o projeto da ciclofaixa da Av. Ricardo Jafet é promissor, porém deixa dúvidas e um pouco de receio… Infelizmente parece que na gestão de Bruno Covas a CET voltou a priorizar os carros, fazendo o ciclista ter que diminuir/parar em diversos pontos nos quais os carros não serão obrigados a dar passagem aos ciclistas. Também ficamos em dúvida de qual o motivo para a CET não instalar placas de “Prioridade para ciclistas” em todos cruzamentos e retornos, com certeza elas ajudariam a evitar conflitos e educariam os motoristas!

Tentaremos avaliar o projeto da Avenida Professor Abraão de Morais ainda essa semana, fique ligado aqui no blog do Bike Zona Sul para não perder nada!

Entenda mais sobre as ligações cicloviárias do Sudeste de São Paulo aqui!

(Equipe Bike Zona Sul: Kristofer Willy e Thomas Wang)

#BikeZonaSul #VaiTerCiclovia #CicloviasSalvamVidas #CidadesParaPessoas #SãoPauloPrasPessoas #BikeSP #Mobilidade #Bicicleta #Transporte #BikeFazBemAoComércio #Compartilhe


Siga o Bike Zona Sul nas redes sociais para ficar por dentro das ações e eventos do coletivo:
YouTube: www.youtube.com/bikezonasul
Instagram: www.instagram.com/bikezonasul
Twitter: www.twitter.com/bikezonasul
Strava: www.strava.com/athletes/bikezonasul

5 comentários em “Será que agora a ciclofaixa da Ricardo Jafet vai sair do papel?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s